Boletim FCR

1. Medida Provisória 1078 de 13/12/2021

Novo socorro ao setor elétrico é aprovado por meio de Medida Provisória (sujeito à aprovação da Câmara dos Deputados e Senado Federal para se tornar definitiva) para evitar uma maior elevação das tarifas (elevação projetada em 21%), em razão da elevação dos custos de suprimento do Setor elétrico causado pelo acionamento das térmicas que chegam a comercializar o MW/ hora  a valores superiores  de R$1.000,00 (tarifa estabelecida por meio de leilões de energia).

De acordo com a Aneel, as bandeiras tarifárias estabelecidas foram insuficientes para suportar os custos da escassez hídrica. O valor estimado do socorro é de 15 bilhões e deverá ser pago por meio das tarifas diluída nos próximos anos com a normalização do regime pluvial, possibilitando a utilização da energia hidrelétrica e outras fontes renováveis menos caras.

Bandeiras tarifárias determinadas pelo Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico – CMSE 

(https://2wenergia.com.br/bandeira-tarifaria-de-crise-hidrica-nao-no-mercado-livre-de-energia/)

Suprimento de Sistema Interligado (Brasil, exceto regiões isoladas) por fonte:

Fonte: ONS ( http://www.ons.org.br/paginas/energia-agora/carga-e-geracao)

Dúvidas? Entre em contato

Inscreva-se para receber atualizações por e-mail.

Nós respeitamos sua privacidade

Boletins Recentes