Governo promete proposta para garantir desoneração ampla da folha

O Legislativo volta a se movimentar na definição de eventuais mudanças importantes no sistema tributário do país, conforme informam reportagens publicadas nesta quinta-feira pelo jornal VALOR ECONÔMICO. Após reunião ontem com o ministro Paulo Guedes, o deputado Jerônimo Goergen (PP-RS) relatou que o governo deverá apresentar aos parlamentares, na semana que vem, “uma proposta mais clara” sobre a desoneração da folha de pagamentos, de forma a ampliar o benefício “para vários setores” (hoje, 17 são beneficiados pela medida e buscam prorrogar esse incentivo até o fim do ano que vem). Goergen também comentou que irá se reunir com empresários na próxima terça-feira e que, no dia seguinte, irá com outros deputados a um novo encontro com Guedes.

Quanto à reforma do Imposto de Renda, o recém escolhido relator da proposta no Senado, Angelo Coronel (PSD-BA) disse ao VALOR que avalia repartir a arrecadação da CSLL com estados e municípios de forma a cobrir perdas de receitas provocadas pelos cortes pretendidos no IRPJ. Segundo relata o jornal, contudo, há uma outra possibilidade sendo considerada pelo senador: a legalização dos jogos, com aumento de receita para esses entes federados.

Os jornais informam também sobre medida anunciada ontem pelo governo, e publicada como MP na edição de hoje do Diário Oficial da União, com a redução a zero das alíquotas de PIS e Cofins cobradas na importação de milho. Diante da escassez do produto no mercado interno, o estímulo para garantir o abastecimento da agroindústria valerá até o fim deste ano.

De volta ao Legislativo, informam os principais veículos, a Câmara aprovou ontem projeto que prevê isenção de Imposto de Renda para pessoas que sofreram sequelas ocasionadas pela covid-19. O texto ainda depende de análise pelo Senado. Segundo informa o texto do jornal O ESTADO DE S. PAULO a respeito, “as sequelas consideradas envolvem redução das capacidades respiratória, motora, cardiovascular e renal, além de danos neurológicos e psicológicos associados ao coronavírus” e caberá ao Ministério da Saúde definir os critérios para a caracterização dessas sequelas. Fonte: Jota Matinal

  • 1. Governo promete proposta para garantir desoneração ampla da folha. Leia Mais
  • 2. Justiça nega indenização por uso de dados em hotel. Leia Mais
  • 3. Clubes de futebol conseguem na Justiça afastar cobrança de ISS. Leia Mais
  • 4. INPI passa a analisar pedidos de marcas de posição. Leia Mais

Dúvidas? Entre em contato

Inscreva-se para receber atualizações por e-mail.

Nós respeitamos sua privacidade

Inscreva-se para receber atualizações por e-mail.

Nós respeitamos sua privacidade

FCR Law – Fleury, Coimbra & Rhomberg Advogados é um escritório de advocacia dinâmico que assessora empresas nacionais e internacionais, empreendedores e investidores nos ramos mais importantes do direito brasileiro. Nós buscamos proporcionar um serviço de alto nível de qualidade e estabelecer relações de longo prazo com nossos clientes e parceiros. Nossa gama de clientes abrange desde start ups tecnológicas até fabricantes internacionais e instituições financeiras.

FCR Law está trabalhando para manter nossos clientes informados e disponibilizar os nossos serviços para auxiliar as empresas neste momento difícil.

Eduardo Fleury, Sócio Fundador

FCR Law – Fleury, Coimbra & Rhomberg Advogados

Rua do Rocio 350, 10º andar

Vila Olímpia, São Paulo – Brasil

+55 11 3294-1600

info@fcrlaw.com.br

Copyright FCR Law 2021 © Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Tarrafa Digital Studio