FCR Law News

Ministério da Economia não descarta Refis, mas quer mudanças no projeto proposto por Pacheco, diz jornal

Reportagem na FOLHA DE S.PAULO aponta dificuldades para a viabilização de um novo Refis, conforme defendido de forma ativa pelo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco. A equipe econômica resiste à abertura de uma nova janela para parcelamentos de dívidas tributárias, como detalha o jornal, que consultou “técnicos do Ministério da Economia”. Eles entendem, conforme a reportagem, que “já existem instrumentos de renegociação para os afetados pela pandemia” e que “um Refis mais amplo acabaria beneficiando quem tem mais condições”.

Não é só Rodrigo Pacheco que vem fazendo articulações por medidas associadas à pandemia. O presidente da Câmara, Arthur Lira, propôs a empresários do setor de saúde a criação de incentivo fiscal, com abatimento de Imposto de Renda, para que hospitais e planos de saúde destinem e operem leitos para o SUS. Quanto mais leitos cedidos, maior seria o abatimento no IRPJ. A ideia é aprovar um projeto de lei nesse sentido. A reunião contou com a presença de dez empresas, segundo relata O GLOBO, entre eles representantes dos hospitais Albert Einstein, Sírio Libanês e Rede Dor, além de operadoras de planos de saúde como o Bradesco Seguros e a Porto Seguro. (Fonte: Jota)

  • 1. Ministério da Economia não descarta Refis, mas quer mudanças no projeto proposto por Pacheco, diz jornal. Leia Mais
  • 2. Câmara começa a analisar proposta para regulamentar o trust no país. Leia Mais
  • 3. White Martins perde no STJ disputa com consultoria. Leia Mais
  • 4. Reforma Tributária é pleito da CNI para agenda legislativa da indústria. Leia Mais

Dúvidas? Entre em contato

Inscreva-se para receber atualizações por e-mail.

Nós respeitamos sua privacidade